Melhor professor do mês!
July 9, 2021
Viagem ao Coração do Macondo
July 23, 2021

Poesía concreta à colombo-brasileira

É com imenso prazer que trazemos hoje a contribuição de nossos estudantes do português 6 para nosso Blog Travessias.

O incrível trabalho apresentado por eles, é testemunha da travessia que eles vêm fazendo, em companhia de seus colegas e com a orientação e apoio de seus professores. Não há dúvida de que, o que vocês terão oportunidade de ler, é resultado do esforço e dedicação contínua ao longo de todos os cursos.

Porém, gostaríamos muito de destacar o trabalho da Professora Marly que, neste nível em específico, conseguiu, de forma magistral, aproximar os meninos da linguagem poética. Talvez as coisas mais difíceis em qualquer língua sejam a expressão humorística e a poética! Em nossa língua materna, a maioria de nós jamais se atreveria a escrever um poema! Parabéns a nossa professora e a nossos estudantes pela coragem de ir até a outra margem do rio – a terceira, aquela que o grande Guimarães Rosa nos desvendou em seu conto “A terceira margem do rio”, lá onde tentamos entender as profundezas da alma, o invisível, o intangível, o nosso eu!

O sol estava caindo no horizonte
Mas não queimava minhas costas como o chicote do fazendeiro
O barulho da natureza, o cantar dos pássaros
escondia os gritos do Escravo Lázaro

terceira margem do rio – Caetano Veloso e Milton Nascimento

e, agora sim, a observação em relação às inadequações:

Os textos publicados podem apresentar pequenas inadequações, próprias do falante estrangeiro. Não alteramos os textos em respeito ao trabalho dos autores e à nossa vontade de mostrar o verdadeiro domínio que eles têm da língua.

Creditos Imagen: https://www.hisour.com//es/modernist-poetry-358